Posts Tagged ‘kawasaki’

Kawasaki dá uma “overdose de futuro” em seu novo protótipo

quarta-feira, dezembro 4th, 2013

04-12-2013-1

Você bem sabe que nem todo protótipo chega às ruas. Na verdade, nenhum chega, o que chega são os conceitos.

Estranho? Explico: quando uma montadora mostra protótipos, ela está mostrando direções e conceitos que ditarão seus próximos produtos. Isso vale pra design, material, mecânica, elétrica e tudo o que tem direito. Os protótipos servem para mostrar essas diretrizes “colocadas” num veículo, mas quase sempre eles são absolutamente inviáveis por inúmeras razões.

Por isso, os protótipo podem ser muito futuristas e até bizarros. Pense num desfile de moda, é a mesma coisa: as roupas da passarela são diretrizes a serem exploradas pelas grifes, mas não chegam às ruas daquela forma!

Sabendo isso, dá pra tentar entender o veículo que a Kawasaki mostrou em Tóquio. Uma moto que, à la “Transformers”, vira um veículo de apelo esportivo ou um triciclo invertido. Chamada J-Concept, ela só existe em ilustração 3D.

Pelo q foi mostrado, tudo nela é ajustável: desde a configuração do número de rodas até a altura do pedais. Agora, o que isso pode nos dizer sobre o futuro da Kawa? Que a aposta será em vários segmentos, como de scooter de 3 rodas; os desenhos tenderão pro futurista e esportivo, como comum da marca; e que a montadora pretende trabalhar com muitos ajustes que possam ser feitos pelo  próprio motorista.

Será?

Até a próxima.

Kawasaki planeja motor turbo

sexta-feira, novembro 29th, 2013

29-11-2013-1

Motoqueiro de plantão, a Kawasaki revelou no Tokyio Motor Show um projeto de motor turbo. O salão de Tóquio é lotado de protótipos, então ainda nada de concreto foi revelado.

O modelo apresentado é um 4 cilíndros, mas nada além disso foi dito. A ideia da Kawa é algo comum já em carros: usar compressores para que motores menores entreguem potência de motor grande gastanto mesmo gasolina.

Segundo a montadora, facilmente um 600 cc renderia a força de um 1000 c. Acontece que motor turbo em moto não é uma novidade: a própria Kawasaki já usou m modelo assim nos anos 80. Só que, com a tecnologia da época, a ideia não vingou.

Hoje já é possível motorização turbo confiável e duradoura para motos. Será que, agora, vinga?

Até a próxima.

Kawasaki reduz preço da Z-1000

segunda-feira, novembro 4th, 2013

04-11-2013-1

Fãs de super nakeds japonesas, alemgrem-se. Pelo menos um pouco. A Kawasaki reduziu o preço de sua Z-1000.

Se o invocadíssimo modelo custava R$46.900 de entrada, com esse preço ele agora traz ABS, que antes custava R$ 49.900. A versão “de entrada” baixou 4 mil e custa agora R$ 42.900.

Esse remanejamento de preços permite que o consumidor pague o valor anterior por uma moto com ABS (acredite, uma máquina desse porte precisa de um ABS). Por outro lado, essa reduçao parece um pouco de engodo…

De toda forma, uma boa notícia pra quem tem vontade e cacife de ter uma naked esportiva, bonita e confiável de 1000 cc.

Até a próxima.

Kawasaki também entra no mundo dos scooters

segunda-feira, outubro 21st, 2013

21-10-2013-1

Colega motoqueiro, a gente cantou a bola várias vezes: o mundo dos scooters não para de crescer. Por isso a Kawasaki decidiu preparar o primeiro scooter de sua história.

A ideia da Kawa é puxar um pouco de brasa pra sua sardinha e aproveitar um segmento novo e crescente. A aposta é num scooter de 300 cc para o mercado europeu. O projeto do novo veículo e pioneiro da marca neste estilo, chamado de J300, tem design que lembra as motocicletas esportivas da Kawasaki, com linhas angulares e agressivas.

O design da J300 foi concebido em conjunto pelas fábricas japonesas e europeias da Kawasaki. Segundo Keishi Fukumoto, chefe de design da empresa, a sigla “J” significa Jyounetsu, que significa “paixão”em japonês e exprime o sentimento que o DNA da marca passa a seus clientes.

Nenhum detalhe técnico foi divulgado, apenas que a moto terá sistema de freios ABS. Ela será oficialmente apresentada em novembro no Salão de Milão e deverá ser vendida ainda em 2013.

Será que o Brasil recebe essa novidade?

Até a próxima.

Supermotos que você vai encontrar Salão Duas Rodas

quinta-feira, outubro 3rd, 2013

03-10-2013-1

Colega motoqueiro, a cada dois anos rola em São Paulo o Salão Duas Rodas e alguns motoqueiros de plantão ficam agitados esperando pelas novidades. Então vamos falar um pouco das supermotos que você irá encontrar por lá entre os dias 8 e 16 de outubro.

A começar pela Honda, a linha de 2014 de todas motos até 300 cc ganharão novas cores. Pode aguradar um exemplar de cada no salão. A vedete dos brasileiros pode pintar também: a superesportiva média CBR 600 RR reformulada e reestilizada.

A conterrâna Suzuki já garantiu que seu grande lançamento do semestre estará por lá: a Inazuma 250, uma street com linhas baseadas na B-King. As novas Hayabusa com ABS e a GSX-R 1000 também tem rpesença garantida.

Ainda do Japão, a Kawasaki mostrará a Ninja 1000 2014. O modelo, que na Europa recebe o nome de Z 1000 SX aparece primeiro aqui, já que sua estreia por lá será no tradicionalíssimo Salão de Milão, em novembro.

Falando em Milão, a italiana MV Agusta tem tudo pra ser uma das marcas mais visitadas pelos amantes de motos potentes. Representada no Brasil pela Dafra, a marca confirmou três novos modelos: Brutale, F3 e Rivale, todos com motor de 800 cm³, além da atualização da versão 1090 da Brutale e da F4 RR. Sem contar que toda sua linha será nacionalizada até julho de 2014. Ou seja, a MV Agusta vale uma visita de todos os visitantes.

Fique ligado aqui para saber mais novidades. Em breve, abordaremos o que pode pintar em outras marcas.

Até a próxima.

CBR 300 deve ser resposta a Ninja 300

terça-feira, maio 14th, 2013

14-05-2013-1

Única foto do suposto modelo, mesmo com a baixa qualidade, nota-se traços da VFR 1200F

Colega motoqueiro, uma pergunta surgiu essa semana na cabeça dos mais antenados: a Honda vai lançar uma versão 300 cc da CBR? Tudo porque uma foto de um suposto protótipo desse modelo foi publicada em um blog tailandês (país onde a Honda monta vários modelos).

Os rumores já surgiram na época em que a Kawasaki anunciou a Ninja 300, depois da foto vazada, os boatos ganharão força. Nada foi confirmado ainda, claro, mas a foto teria sido feita em uma reunião de concessionários da marca na Tailândia e a moto seria fabricada por lá.

A única análise que podemos fazer até o momento é que se a foto for verdadeiramente de um protótipo em estudo ou um modelo em desenvolvimento a  CBR 300 teria um design mais semelhante à VFR 1200F do que a CBR 1000 R, o que indica um uso mais polivalente.

A linha CBR comercializada no Brasil conta com modelos que vão de 250 cc até 1000 cc, mas apenas a CBR 600 é fabricada aqui, as demais são importadas. Resta saber se a tal CBR 300 é uma realidade, se for, se virá para o Brasil (acho que viria).

Palpites?

Até a próxima.

Kawasaki prepara uma naked esportiva baseada na “Ninjinha”

terça-feira, janeiro 29th, 2013

29-01-2013-1

Correm boatos de que a Kawasaki está prestes a anunciar um modelo naked baseado na Ninja 300 cc. Segundo um respeitado blog da Indonésia (onde a Kawasaki produz a “Ninjinha”), uma bela naked será revelada ainda em fevereiro.

A naked pequena seria de 250 cc (lembrando que na Indonésia, a Ninjinha mantém essa motorização). Um dado que dá força ao boato é o aparecimento do registro de uma motocicleta ER 250 no banco de dados de marcas de veículos do Ministério da Indústria da Indonésia. A Kawasaki usa a denominação ER para suas nakeds, como a antiga ER5 e a atual ER6.

Não seria sonho se o Brasil também recebesse essa versão naked montada via CKD na fábrica da Kawasaki em Manaus, equipada com o propulsor de 300cc da nossa Ninjinha. O sudeste asiático já fabrica muitas motos vendidas por aqui (como a Honda CB 250R).

Seria uma concorrente de peso para a Yamaha e a Honda no segmento de nakeds pequenas de rua. Pela foto (ainda sem confirmação), o design é de primeira. Vamos aguardar novidades e torcer um pouco, claro.

Até a próxima.

Kawasaki Ninja 650 R

quarta-feira, dezembro 29th, 2010

Chega ao Brasil mais uma moto de média cilindrada para competir no mercado, a Kawasaki Ninja 650 R. A moto conta com assento baixo, e curta distância entre guidão e pedaleiras, a pilotagem é considerada confortável e simples.

O motor de dois cilindros conta com refrigeração líquida e injeção eletrônica, e potência de 72,1 cv a 8.500 rpm. O câmbio é de seis marchas, conta com rodas de alumínio de 17 polegadas, frios a disco e pesa por volta de 204 kg, abastecida.

Os preços sugeridos para o modelo Ninja 650 R são, de R$ 27.770 e R$ 29.990, o último para versão com freios ABS. As vendas já ocorrem esse mês.

Fonte: Best Cars

Kawasaki Ninja ZX-14

segunda-feira, dezembro 13th, 2010

Devido as especificações, muitos podem ficar assustados para guiar a Kawasaki Ninja ZX-14. A moto que chegou ao Brasil em meados de 2009 conta com 203 cavalos de potência máxima a 9.500 rpm, 2,17 metros de comprimento e 261 kg de peso.

Porém nem com todos esses atributos a moto perdeu estabilidade nas retas ou maneabilidade em curvas. A moto que conta com mais de 200 cavalos, viaja de forma suave e graças ao sistema de injeção eletrônica é bastante linear.

A Kawasaki do Brasil optou por trazer somente as versões com freios ABS (decisão mais do que correta), garantindo frenagens mais seguras. O quadro perimetral foi redesenhado para oferecer a rigidez necessária.

Devido ao seu porte, o banco é generoso e sua ergonomia melhor que a de muitas outras do mesmo segmento. Por isso, a moto é extremamente confortável. Além do conforto conta com um tanque de 22 litros, iluminação e proteção aerodinâmica.

O modelo em sua versão única, conta com a cor preta e tem um preço sugerido em R$61.990,00. Sua principal concorrente é o modelo Havabusa GSX 1300R da Suzuki, que tem maior disponibilidade de cores, sendo 4, e seu preço mais baixo, em torno de R$ 56.000,00, sem frete nem seguro.

FICHA TÉCNICA: Kawasaki Ninja ZX-14

Motor: 1.352 cm³, quatro cilindros em linha, 16 válvulas, DOHC, refrigeração líquida.

Potência Máxima: 203 cv a 9.500 rpm.

Torque Máximo: 15,7 kgfm a 7.500 rpm.

Diâmetro e curso: 84,0 x 61,0 mm. Taxa de Compressão: 12:1.

Alimentação: Injeção eletrônica.
Partida elétrica.

Câmbio: Seis marchas, com embreagem multidisco em banho de óleo e transmissão final por corrente.

Suspensão: Dianteira por garfo telescópico invertido com 117 mm de curso e totalmente ajustável; traseira por balança monoamortecida com amortecedor a gás e 122 mm de curso.

Freios: Dianteiro a disco duplo de 310 mm em forma de pétala, pinça dupla de fixação radial com quatro pistões opostos (ABS); Traseiro a disco simples de 250 mm em forma de pétala, pinça com dois pistões opostos.

Pneus: Dianteiro 120/70ZR17M/C (58W); traseiro 190/50ZR17M/C (73W).

Chassi: Perimetral em alumínio.

Dimensões: 2.170 mm x 760 mm x 1.170 mm (CxLxA); 1.460 mm (entre-eixos); 800 mm (altura do assento); 125 mm (distância do solo)

Tanque: 22 litros.

Peso: 261 kg

Nova Kawasaki VN900 Classic

quarta-feira, novembro 17th, 2010

Dentre as várias opções de motos custom da Kawasaki a filial brasileira decidiu trazer três variantes da linha de 900com³: a VN900 Classic, Classic LT e a versão Custom.

A versão Classic, como diz o nome traz um estilo mais clássico e cheio de cromados, enquanto o Classic LT ganha malas laterais e bolha aerodinâmica. A custom segue um lado mais chopper, haja vista a roda dianteira aro 21 e a traseira 15 e garfo alongado. A VN 900 Custom será comercializada somente em preto fosco e conta com duas faixas longitudinais contrastando, dando um ar “bad boy” a moto. As rodas são de liga leve — aro 21 na dianteira e 15 na traseira. O painel também da o visual chopper, vindo completo com luzes de advertência, velocímetro analógico e até um útil marcador de combustível, porém a visualização não é tão fácil, já que o motociclista é obrigado a desviar o olhar para ler as informações. Para maior conforto o guidão drag-bar é elevado e juntamente com as pedaleiras avançadas deixa a moto ainda mais bonita.

O fato de ela ser confortável remete a sua proposta de ser usada principalmente em viagens, já que ainda conta com um tanque de 20 litros de capacidade, sendo assim um dos maiores da categoria.

Seguem maiores informações sobre o modelo.

FICHA TÉCNICA: KAWASAKI VN 900 CUSTOM

Motor: 903 cm³, 2 cilindros em V, refrigeração líquida

Potência máxima: 50 cv a 5.700 rpm

Torque máximo: 8,0 kgf.m a 3.700 rpm

Transmissão: Câmbio de cinco velocidades, com transmissão final por correia dentada

Suspensão: Garfo Telescópico convencional na dianteira; balança monoamortecida com regulagem na précarga da mola na traseira.

Freios: Disco simples de 300 mm com pinça de dois pistões (dianteiro); disco simples de 270 mm com pinça de dois pistões (traseiro).

Dimensões: 2.405 mm de comprimento, 1.005 mm de largura e 1.065 mm de altura. Entre-eixos 1.650 mm, altura do assento de 685 mm e 140 mm de altura mínima para o solo.

Peso: 278 kg.

Preço: R$ 31.990 (sem frete e seguro)